Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/com_content/article/default.php on line 32

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/com_content/article/default.php on line 36

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/com_content/article/default.php on line 43

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/mod_jacontentlisting/details/default-03/index.php on line 39

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/mod_jacontentlisting/details/default-03/index.php on line 41
/home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/mod_jacontentlisting/details/default-03/index.php on line 63
https://www.rikaryo.com.br/');" >

Ceará é 3º estado com maior índice de trabalho infantil

Foto:IlustrativaO Ceará é o terceiro estado brasileiro com maior número de crianças e jovens envolvidos ou explorados com trabalho, segundo afirma uma pesquisa divulgada nessa última sexta-feira, 16/10, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O número de crianças de 05 a 17 anos ocupadas no Estado é de 13,59%. O Ceará fica atrás somente do Piauí (15,07%) e Tocantins (15,71%). Os dados foram feitos com base na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad).

De acordo com a Pnad, cerca de 4,5 milhões de crianças e adolescentes entre 05 e 17 anos trabalham em todo país, o que representa cerca de 10% de toda a população nessa faixa etária. Além disso, dentre as crianças que trabalham, 141 mil têm menos de nove anos de idade e 1,3 milhão têm menos de 14.

A pesquisa mostra nitidamente que não ouve avanços na politica juvenil no estado do Ceará nos últimos 3 anos. Os dados são alarmantes e reforça que seja necessário ampliar a fiscalização para acabar com o Trabalho Infantil no Ceará e que é interessante pensar em novos programas com foco na educação de crianças, adolescentes e jovens. O governador cearense, Cid Gomes, não se manifestou sobre os dados.

Fonte: OPOVO