Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/com_content/article/default.php on line 32

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/com_content/article/default.php on line 36

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/com_content/article/default.php on line 43

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/mod_jacontentlisting/details/default-03/index.php on line 39

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/mod_jacontentlisting/details/default-03/index.php on line 41
/home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/mod_jacontentlisting/details/default-03/index.php on line 63
https://www.rikaryo.com.br/');" >

PT quer avançar na “democratização dos meios de comunicação”

Imagem: Agência BrasilO Partido dos Trabalhadores (PT) quer avançar com a “democratização dos meios de comunicação”. Em um debate que ocorreu no dia, 09/02, em Brasília, o partido defende a "campanha pela democratização dos meios de comunicação de massa em 2012". De acordo com o texto, essa campanha "aperfeiçoa nosso processo democrático ao dar voz a todos os setores da sociedade", afinal o partido comemora esse ano o seu 32º aniversário.

Segundo nota do Estadão, esse é um assunto que está sendo muito discutido, além do mais no ano passado o PT já  tinha concordado com  "democratização", durante o 4º Congresso Nacional, que aconteceu em setembro. No documento, o PT defende a proibição de conceder rádio e TV para políticos, o veto à propriedade cruzada de mídia, principalmente para empresários e apoiar a criação de conselhos sobre o tema em todos os Estados, incluindo o Distrito Federal.

O presidente do PT, Rui Falcão, que apoia o projeto, inclusive é jornalista, chegou a passar pelos veículos A Gazeta, Folha de São Paulo, Notícias Populares, Jornal da Tarde e Diário da Noite, além de ter sido diretor de redação da revista Exame, entre  1977 à 1988. Ele reafirma que  o partido defende “ apenas um novo marco regulatório dos meios de comunicação, e não o controle social da mídia".

Fonte: Priscila Fonseca | Portal Comunique-se