Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/com_content/article/default.php on line 32

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/com_content/article/default.php on line 36

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/com_content/article/default.php on line 43

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/mod_jacontentlisting/details/default-03/index.php on line 39

Warning: Attempt to read property "image_fulltext" on null in /home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/mod_jacontentlisting/details/default-03/index.php on line 41
/home/krmp/rikaryo.com.br/templates/ja_blockk/html/mod_jacontentlisting/details/default-03/index.php on line 63
https://www.rikaryo.com.br/');" >

Lula pede protesto contra ataques ao WikiLeaks

Foto:DivulgaçãoO presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu manifestações a favor da liberdade de expressão no caso do WikiLeaks, site que divulga documentos secretos de governos. Lula criticou a imprensa brasileira por não protestar contra os ataques ao site. ”O rapaz que estava desembaraçando a diplomacia norte-americana foi preso e eu não estou vendo nenhum protesto contra [o cerceamento à] liberdade de expressão. É engraçado, não tem nada”, afirmou o presidente, durante evento sobre o balanço dos quatros anos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), nesta quinta-feira (9/12).

Lula fez questão que sua equipe registrasse seu protesto no Blog do Planalto. “Ô, Stuckinha (Ricardo Stuckert, fotógrafo oficial da Presidência da República), pode colocar no Blog do Planalto o primeiro protesto, então, contra [o cerceamento à] liberdade de expressão na internet, para a gente poder protestar, porque o rapaz estava apenas colocando aquilo que ele leu. E se ele leu porque alguém escreveu, o culpado não é quem divulgou, o culpado é quem escreveu. Portanto, em vez de culpar quem divulgou, culpe quem escreveu a bobagem, porque senão não teria o escândalo que tem. Então, Wikileaks, minha solidariedade pela divulgação das coisas e meu protesto contra [o cerceamento] da liberdade de expressão”.

Lula também alertou para que a presidente eleita Dilma Rousseff avise a seu ministro das Relações Exteriores (Antônio Patriota, já foi escolhido para o cargo) que “se não tiver o que escrever, não escreva bobagem, passe em branco a mensagem”. O presidente se referia a cartas sobre o Brasil enviadas pelo ex-embaixador estadunidense no país, Clifford Sobel, que tratava das relações entre os dois países.

A manifestação do presidente repercutiu na web e já é um dos assuntos mais comentados do Twitter Brasil. O WikiLeaks, por meio de seu Twitter, também divulgou o protesto de Lula.

Fonte: Portal Comunique-se